Bem vindo ao SamuelAzevedo.com

Você tem vocação para ser um Empreendedor?

 

“Segundo os especialistas, as pessoas podem ter mais chance de fazer sucesso com um Negócio próprio quando reúnem uma série de características básicas. Para descobrir se você tem o perfil de um empreendedor, preencha o questionário a seguir respondendo “sim” ou “não” para cada item”:

1 – Quando você se propõe a fazer alguma coisa,  vai até o fim?   Sim /  Não

2 – Ao fazer um bom trabalho tem a sensação de estar satisfeito?   Sim /  Não

3 – Tenta  evitar  situações em que é  preciso falar com desconhecidos?    Sim /  Não

4 – Ao montar um projeto, mesmo que sua completa implementação demore cinco

anos,  continua  estimulado?         Sim /  Não

5 – Quando pensa no futuro, inclui a possibilidade de montar ou administrar um

negócio?      Sim /  Não

6 – Normalmente  aceita  sugestões  no  trabalho  de  pessoas  mais  velhas

e  experientes?        Sim  / Não

7 – Importa-se muito com o que os outros pensam sobre você?       Sim /  Não

8 – Na sua família existem casos de empreendedores de sucesso? Sim /  Não

9 – Você  tem  o  hábito  de  planejar  e  organizar  as  coisas  antes  de

iniciá-las?     Sim /  Não

10 – Você está disposto a não ter horário fixo ou uma rotina que ultrapasse as oito

horas  diárias  de  trabalho?         Sim  / Não

11 – Costuma  ter  novas  idéias, e  sempre  que  possível, se  esforça  para

implementá-las?    Sim /  Não

12 – Na  escola  fazia  parte  de  um  time  ou  praticava  algum  esporte?  Sim  / Não

13 – Você  gosta  de  cuidar  de  detalhes?     Sim  / Não

14 – Você  tem  idade  entre  25  e  50 anos?  Sim  / Não

15 – Você  se  aborrece  facilmente?   Sim  / Não

16 – Pode manter-se concentrado em um assunto por um longo período?   Sim  / Não

17 – Você  depende  do  incentivo  de outros  para  fazer o  que  precisa?  Sim /   Não

18 – Quando pesquisa coisas de que gosta, encontra sempre novas áreas de

interesse?  Sim  / Não

19 – A  satisfação  pessoal  é  para você  mais importante que o dinheiro?  Sim  / Não

20 – Procura  ver o lado  positivo  de uma  situação  difícil?   Sim  / Não

21 – Persiste em fazer as coisas mesmo quando os outros dizem que elas não são

possíveis?  Sim  / Não

22 – Você acredita que a sorte pode explicar o sucesso?      Sim  / Não

23 – Você está preparado para sacrificar um pouco sua vida familiar e contar com uma

redução em  seus ganhos  para  ter sucesso nos negócios?    Sim  / Não

24 – Gosta  de correr riscos?  Sim  / Não

25 – Muitas  respostas  a  seus  problemas  aparecem  de  uma  hora    para

a outra?    Sim /   Não

26 – Você acha que pode lidar bem com vários chefes ao mesmo tempo, em vez de ter

de  prestar  contas  para  apenas  um?   Sim  / Não

27 – Você é capaz de  absorver bem  as críticas?     Sim /   Não

28 – Acha que vale a pena tentar novos horizontes profissionais mesmo perdendo o

conforto de estar vinculado a uma empresa?     Sim  / Não

29 – Para você, a etapa mais difícil na hora de montar um negócio próprio é reunir o

capital  e  escolher  o  ponto?     Sim  / Não

30 – Quando  você  está  insatisfeito  com  suas  perspectivas  profissionais dentro da

empresa em que trabalha, pensa fortemente na possibilidade de investir em um

negócio  próprio,  em  vez  de  procurar  uma  empresa  de  recolocação

profissional?         Sim  / Não

Marque 1 ponto para cada resposta

SIM nas questões

1,2,4,5,6,8,9,10,11,12,14,16,18,19,20,21,23,26,27,28,30.

Não nas questões

3,7,13,15,17,22,24,25,29.

Total de Pontos: ________________

GABARITO

Até 10 pontos: esqueça você não tem a menor vocação para ser um empreendedor

Entre 11 e 20 pontos: você possui alguns traços de empreendedor, mas ainda precisa desenvolver melhor algumas características, como a autoconfiança, antes de montar um negócio próprio

Acima de 21 pontos: você tem boa parte das características de quem vai conseguir virar-se muito bem na vida sem ter um patrão

Fontes: Francisco Guglielme, consultor de negócios,
e Canada’s Business and Consumer



Embora o teste acima seja um dos mais respeitados do mundo sobre o tema, continua sendo apenas um TESTE. Use-o como um indicativo não como um documento conclusivo, afinal paradigmas podem ser quebrados, convicções revistas, rotas corrigidas e um empreendedor pode ser forjado.

Como já dizia ARISTÓTELES “Nós somos o que nós repetidamente fazemos. Excelência não é um ato, mas um hábito”.

Aquele Abraço e

Até o próximo artigo,

Samuel Azevedo.


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *